21º BPM DESENCADEIA “OPERAÇÃO SOMBRAS” E EFETUA PRISÃO DE CRIMINOSOS DE ALTA PERICULOSIDADE EM UBÁ

Na noite do dia 07 de Fevereiro de 2019, na rua São Bartolomeu, 50, bairro São Domingos, na cidade de Ubá, Policiais Militares do 1º Pelotão da 285ª Cia Tático Móvel/21º BPM, realizaram Operação Policial Militar que culminou na prisão dos infratores Felipe Marques de Paiva, 19 anos, vulgo “Felipinho” e Amarildo Melo Martins, 21 anos, vulgo “Angolano” apontados como dois dos principais chefes de Organização Criminosa que coordena o Tráfico Ilícito de Drogas e suspeitos de vários crimes de Homicídio no bairro São Domingos, na cidade de Ubá/MG.

O planejamento da ação teve início dias antes, através de informações e denúncias anônimas, as quais indicavam alguns possíveis paradeiros dos dois criminosos.

Com as equipes Tático Móvel reunidas para a captura dos infratores, iniciaram-se vários planejamentos, tendo em vista se tratarem de chefes de Organização Criminosa e considerados de alta periculosidade, sendo necessário um estudo antecipado do terreno com as possíveis rotas de fuga nos becos e vielas, além de traçar o melhor ângulo de aproximação das equipes, vez que todo o local é monitorado por olheiros a serviço dos Traficantes, os quais se comunicam através de rádios, além de comumente portarem armas de fogo, desta forma, houve a necessidade do empenho dos militares em veículos de 4 e 2 rodas já que havia possibilidade de resistência por parte dos Infratores.

Foram empregadas técnicas policiais típicas do policiamento de recobrimento, através de deslocamento tático de conduta de patrulha, lançamento de equipe percussora a campo, com a missão de confirmar a veracidade das denúncias. Já no período noturno, os policiais militares posicionaram taticamente por entre os becos, buscando os melhores ângulos para monitoramento dos alvos, tal deslocamento executado na mais refinada técnica, como verdadeiras “Sombras”, de modo a se ocultar da vigilância praticada pelos traficantes.

Após a confirmação das denúncias, foram desencadeados os momentos mais críticos da Operação, os quais tiveram como resultado:

No dia 07/02/2019, primeira fase da Operação logrando êxito ao realizar a prisão de “Felipinho”, em uma residência fixada na Rua São Bartolomeu, bairro São Domingos.

No dia 11/02/2019, segunda fase da Operação, logrando êxito ao realizar a prisão de “Angolano”, na Rua: Agostinho Barbosa, bairro Waldemar de Castro.

De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais, os criminosos, Felipe Marques de Paiva “Felipinho”, Amarildo Melo Martins “Angolano”, juntamente com Leonardo dos Santos Miranda “Leo da Tica”, este último preso no Estado do Rio de Janeiro, são responsáveis por diversos homicídios ocorridos em 2018, motivados por disputa no controle do Tráfico de Drogas, na região do bairro São Domingos, e que a prisão de “Léo”, “Felipinho” e “Angolano” foi um grande passo no enfraquecimento da Organização Criminosa que atua no bairro São Domingos e ainda, estas prisões irão impactar na redução dos crimes de homicídio em Ubá.

Comente Aqui

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *